Banner: Marco Antonio ///// Produção de Layout: Mariana Nunes

"Não nos contaram..."

>> sexta-feira, 7 de março de 2008

Hoje é o momento ideal pra falar de sacanagem.
Mas nada de ménage à trois, sexo selvagem e práticas perversas. Sinto muito.
Pretendo, sim, é falar das sacanagens que fizeram com a gente.


Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer,
só acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos.
Não nos contaram que amor não é acionado nem chega com hora marcada.

Fizeram a gente acreditar que cada um de nós é a metade de uma laranja, e que a vida só ganha sentido quando encontramos a outra metade.
Não contaram que já nascemos inteiros, que ninguém em nossa vida merece carregar nas costas a responsabilidade de completar o que nos falta: a gente cresce através da gente mesmo. Se estivermos em boa companhia, é só mais agradável.

Fizeram a gente acreditar numa fórmula chamada "dois em um", duas pessoas pensando igual, agindo igual, que isso era que funcionava.
Não nos contaram que isso tem nome: anulação... Que só sendo indivíduos com personalidade própria é que poderemos ter uma relação saudável.

Fizeram a gente acreditar que casamento é obrigatório e que desejos fora de hora devem ser reprimidos. Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais amados, que os que transam pouco são caretas, que os que transam muito não são confiáveis, e que sempre haverá um chinelo velho para um pé torto.
Só não disseram que existe muito mais cabeça torta do que pé torto.

Fizeram a gente acreditar que só há uma fórmula de ser feliz, a mesma para todos, e os que escapam dela estão condenados à marginalidade.
Não nos contaram que estas fórmulas nunca dão certo, frustram as pessoas, são alienantes, e que podemos tentar outras opções.

Ah, nem contaram que ninguém vai contar. Cada um vai ter que descobrir sozinho. E aí, quando você estiver muito apaixonado por você mesmo, vai poder ser muito feliz quando se apaixonar por alguém.

(Texto de Martha Medeiros)

41 bedelhos!:

Marco Antonio 7 de mar de 2008 01:12:00  

Eu já havia comentado em seu blog antigo... Com certeza não existe amor mais importante que o amor-próprio. E já disse que a busca da fórmula do amor pode trazer muita dor de cabeça né?

Eduardo 7 de mar de 2008 02:42:00  

O mundo é regido por muitas idéias pré-fabricadas. E a gente só aprende a contraria-las quando se conhece e se preza por inteiro. Muitos desconhecem essa forma de se manterem felizes, e as idéias pré-fabricadas estão longe de se extinguirem.

Gostei do texto. Quem é Martha Medeiros?

Um abraço!

_______________

Novo post:

www.canteirodasletras.blogspot.com

edu 7 de mar de 2008 08:13:00  

Mandou muito bem, a dona Martha. Que bom que mais e mais pessoas estão descobrindo e se descobrindo. Somos todos iguais em nossas diferenças e todos inteiros no que nos falta. Vixe, viajei, hehe... :-)

Beijo!

Conquistadores (Didixy) 7 de mar de 2008 09:37:00  

Belo texto. NInguém é igual a ninguém e as pessoas pensam ao contrário disso. Ainda não acordararm para a realidade e nem irão.
Tem pessoas que são tapadas...

abs

Jornalista 7 de mar de 2008 10:48:00  

Ninguém entende o amor, é algo inexplicável e aparece na vida de cada um de uma maneira diferente... Não sei se seria possível avisar alguém sobre algo que não sabemos como realmente é, pois só sentimos, não conseguimos explicar... E sem dúvida é a maior força do mundo e que nos ainda mantém vivos...

Lica 7 de mar de 2008 13:53:00  

Antes do amor , vem o amor consigo msm!!!
A sociedade sim traça um amor incondicional , que acaba com as barreiras , mas isso não existe assim ,existe se vc tem fé q esta sentindo tudo isso e tem base emocional da outra pessoa para abrir mão de tudo e todos ,
Acredito em uma amor que me faça bem , e tenha respeito , esse é amor q inventei pra mim , e vc inventou o seu?
Pq o amor nada é mais que o ser humano não sobreviver sem uma fé , uma coisa que te faça ou pense que faça bem,

bjokas
http://deslica.blogspot.com/

Thiago! 7 de mar de 2008 13:56:00  

Já nos fizeram acreditar em tanta coisa que nem sei...

Gostei bante do teu perfil...
muuito massa!

deve ter dado um trabalho pra poder se descreve assim!

flw

slim shady 7 de mar de 2008 14:00:00  

Quando comecei a ler o texto,pensei logo"opa,contos sexuais " haha.

Mas o texto não perde em nada,muito bacana.

http://cinemaafinseumadosedewhiskey.blogspot.com/

bocejo 7 de mar de 2008 16:15:00  

e ontem eu vim aqui no seu, sem saber que vc tinha comentado no meu.
agradeço as palavras, axu que a idade nem conta a idade física sabe, conta mesmo é a idade da alma ou a idade da sua visão, como vc vê as coisas.
espero sim chegar aos 40 e continuar com alguns pontos de vista que tenho hj, mesmo sabendo que muita coisa eu vou perder até lá.
o começo desse texto dá a entender que vc tem que ser uma pessoa por si, acredito sim que há muitas coisas que nos fizeram acreditar e acabamos querendo isso. e concordo no final que primeiro vc tem que se encontrar pra depois encontrar-se no outro.
enfim...
ótima tarde!

Salvador Lucas­ 7 de mar de 2008 17:52:00  

Fizeram a gente acreditar...
Isso que fizeram =]

Henrique Felippe 7 de mar de 2008 18:19:00  

É um belo texto, realmente... Não conhecia a autora, vou procurar informções.
Mas, o amor-próprio é o mais importante e, precisamos ter a conciência que somos apaixonáveis, somos sempre capazes de amar, muitas e muitas vezes. Afinal de contas, nós somos o Amor...

-----------------------
[OFF] Topic.

Belo blog brother, sempre vejo você pela comu, mas não tinha visitado este espaço ainda, bacana demais... já até salvei nos favoritos, visitarei mais vezes.

Agora, quando olhei sua foto não reconheci... acessei e quando vi a foto que usa no profile do blog, aí sim... lembrei das msgs na comu... o que são as referências né... ;o)

Inclinado a pegar aquele cartão corporativo... rs
Aquele lance que vc coloca escalas, é segredo de estado ou pode partilhar? rs (carinhoso, louco, etc...)

Grande abraço e sucesso, sempre...

Henrique
Vai Vendo...
http://henryfelippe.blogspot.com/

Meerstempel Badist 7 de mar de 2008 18:26:00  

então eu vou contar, o texto é escelente, parabéns a você pela descoberta e para a Martha Medeiros pelas idéias.

Dannyell 7 de mar de 2008 19:06:00  

Belo texto, fizeram nos acreditar que trabalhar dignifica o homem, mas esqueceram de dizer que eh ruim pacas ...


Vlw pelo visita no meu blog, seu blog ja era conhecido, alias muito sucesso por aqui, parabens.

Renato Barbosa 7 de mar de 2008 21:01:00  

Muito tom bom Euzer ...

A sociedade impoe pensamentos e crenças na maioria das vezes sureais ...

Tornando muitos momentos da vida decepcionantes e triste ..

Mas eu acho que amor beleza é saber que mesmo a vida não sendo flores ...

Podemos superar todos os obstaculos aprender a amor a nós mesmo ...

e um dia encontrar a felicidade .. nas coisas mais simples da vida ..

Muitas vezes temos vontande de gritar e abandonar tudo ..

Mas no fim do tunel .. mesmo que imperspectivel .. sempre a uma luz no final do tunel .>

Temo apenas que ter fé para ..
que tudo encontro seu caminho aos poucos ..

obs: Maldita sociedade e seus pensamentos ..

Você mesmo me disse:
Seja(mos) feliz(es)!

darsh. 7 de mar de 2008 21:26:00  

Tive uns pensamentos assim hoje.

Jeff McFly 7 de mar de 2008 23:37:00  

Cara... me fizeram acreditar em cada coisa nesse mundo... tu não faz ideia.

Valeu o comentário la no arroto. Cara, gostei de seu blog. Está add lá, blz? Se não quiser, entra em contato que retiro de lá.

Ah! Veleu pela dica do cartão corporativo. Já peguei o meu!

Fabio Ferreira 7 de mar de 2008 23:49:00  

gostei muito do seu blog, porque aborda varios temas, e nao fica num so...pelo seu blog vc parece ser bem inteligente...o layout fico bem de acordo com os temas do blog!!!

www.futebolediscussoes.blogspot.com

Strider 7 de mar de 2008 23:55:00  

Eu teria falado também sobre as sacanagens do telemarketing e dos sachês de catchup.

Sobre o CPF, naturalmente que declarei isenção em 2007. Minha situação está regular, e não tenho débitos para com a União. Claro que eu não teria esquecido deste detalhe.

Rafael Velasquez 8 de mar de 2008 00:56:00  

que sacanagem!!!

Sinceramente? 8 de mar de 2008 01:08:00  

Ainda bem que Marta decidiu nos contar...heheheh
Adorei o texto...Quando comecei a ler, pensei...ah que bom vai falar de sacanagem...vou comentar nesse blog.Sim, pq eu só entro na brincadeira do comenta,depois que eu dou uma olhada mesmo que rápida no blog,se não gostar,pulo fora...rs
Quando voltei aqui,e fui lendo,pronta pra dar risada,percebi que falaria de algo mais sério, e não é que eu fui lendo , lendo, lendo...e acabei refletindo...viajando...enfim gostei muito!

Ponto pra vc!

Se quiser blog fútil entra no meu...rsrsrsr :D

Magazine ÓPe 8 de mar de 2008 02:05:00  

Uma vez recebi um e-mail tratando desse texto. Porém estava assinado o nome de Arnaldo Jabor.
Num dia desse assistindo ao programa do Jô, ele disse que vários textos que circulavam na internet com o seu nome era falso. Agora pois... Mas não disse em específico se esse era realmente dele...

Bem, pesquisarei mais

Dragus 8 de mar de 2008 02:44:00  

Já vi esse mesmo texto com várias assinaturas... Só fico imaginando quem foi o real autor. =)

sant 8 de mar de 2008 11:19:00  

vamos trocar link

www.trocolink.blogspot.com

felipe 8 de mar de 2008 12:08:00  

Ainda acho que to acreditando um pouco rsss.
Grande abraço, ótimo final de semana.
Adorei o post.
Felipe
www.muitoadeclarar.zip.net

Juliana Gulka 8 de mar de 2008 12:33:00  

Olá Euzer, tudo bom?
Como eu comentei lá no outro blog, esse texto é lindo mesmo!
Ele faz a nós refletir-mos sobre todas essas sacanagens, e encontrar um ponto real nisso tudo.
Um abraço, e obrigado pelas constantes visitas e comentários construtivos!

zero 8 de mar de 2008 13:14:00  

"Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais amados, que os que transam pouco são caretas, que os que transam muito não são confiáveis"

A parte que mais gotei!!!
é muito foda esse texto!!!

Bem, eu tbm acredito nisso, que fizeram a gente acreditar nisso tudo, mas com o tempo a gnete descobre a verdade sozinhos!!!
eu dei a sorte de decobrir tudo isso com apenas 17 anos!!!
agora com 19 já tenho mais conciêcia disso tudo, e realmente!
me amando mais, posso curtir tudo mais e amar mais as pessoas!!!

valew a visita no meu blog!!!

sim foi mais ou menos isso!!!

"Destriram" meus sonhos!!!

Abração!

Catharine 8 de mar de 2008 14:09:00  

Bom o post ! ;D

Nunca nos contam a verdade... mesmo pq a verdade está dentro de nós ^^'.

Fernanda Miranda 8 de mar de 2008 14:28:00  

Já tinha visto este texto antes...é muito legal...
Gostei do teu blog e obrigada pela visita ao meu, ok?
Grande abraço e um excelente fds!
Fernanda Miranda (Cotidiano Ativo)

FaBiO 8 de mar de 2008 23:00:00  

como dizia camões:
amor eh fogo q se arde sem se ver
eh ferida q dói e naum se sente.

eh o contentamento desconte
tão contrário assim é mesmo o amor

jah ta postadu!!!

_____________________________________
http://megadrive-classics.blogspot.com

Nanda Kiedis Declama 8 de mar de 2008 23:32:00  

Nossa que texto perfeito!!
Vivemos num mundo aonde pessoas alienadas, esperando e buscando desesperadamente sua metade da laranja, a perfeição, acaba deixando de lado o principal que é lutar por uma vida digna e igualitária.
Vou copiar!!
bjs

Fred Schubert 8 de mar de 2008 23:40:00  

Realmente tem muitos mdos de ser feliz , não só m como a sociedade dita, e com certeza se amar é o principal, porque quem vai te amar se você mesmo não se ama.

vlw texto muito bom.


se tiver interesado em ver algo mais alienante, passa lá no meu blog
http://interesseinteligente.blogspot.com/

Henrique Felippe 8 de mar de 2008 23:40:00  

Já estou usando aquele esquema do profile... fiz algumas "adaptações", mas o roubo foi bem sucedido... rs

Li o post Como Tem Gente Burra Neste Mundo - Episódio 08 - O intelectual de botequim... É perfeito... E li o 04 - Gente que não usa a Seta... rs Depois irei ler os outros, esses dois já são ótimos...

Já tenho seu blog salvo nos meus favoritos, mas quero tê-lo também linkado no meu blog, posso?

Grande abraço,

Henrique
Vai Vendo...
http://henryfelippe.blogspot.com/

NANA 9 de mar de 2008 00:11:00  

Retribuindo a visita no blog Apenas Nana...

ADORO Martha Medeiros!
Leio todos os domingos no O Globo.

Vou até salvar pra postar um dia.
Bjs.!


http://noticias-irrelevantes.blogspot.com/

Alberto Pereira Jr. 9 de mar de 2008 00:54:00  

muito bom o texto...
o inconsciente.. o dono do "fizeram" tenta muitas coisas.. mas somos nos.. cada um.. que pode, deve fazer o que bem entender pra si

Amanda Guerra 9 de mar de 2008 04:19:00  

Gostei. Difícil a Martha escrever alguma coisa que eu de fato goste, sempre acho o Xexéo mais interessante aos domingos. Mas foi lúcido, pena que ainda seja pouco para desmistificar tudo isso!

Abraços!

Cristiane 9 de mar de 2008 11:32:00  

Oieeee...:)
Amei o texto....a verdade é essa mesmo...ame a si p ser amado!
Um big beijo

Henrique Felippe 9 de mar de 2008 11:37:00  

Fala Euzer... bom dia brother... Tudo bom?

Olha só, acabei de postar minha Lista de Recomendados da semana e, você esta nela... Além de adorar seu site, fiz a indicação de leitura inicial para o post: “Não nos contaram...”. Tenho certeza que o leitor irá deliciar-se.

Um maravilhoso domingo para você...

Henrique
Vai Vendo...
http://henryfelippe.blogspot.com/

Éverton Vidal 9 de mar de 2008 12:33:00  

Textao! Muito bom mesmo...

Mayna 9 de mar de 2008 20:39:00  

Não existe fórmula para o amor!
Não adianta acreditar nas fórmulas pré-fabricadas, o amor é mais que isso!


http://maynabuco.blogspot.com

Papp 10 de mar de 2008 10:07:00  

O pior que é verdade, existem mais cabeças tortas que pés tortos. Não nos contaram também amar muitas vezes dói, machuca, mas todo mundo aprende um dia, tem certas coisas que não dá p/ensinar aos nossos filhos, eles tem que sentir na pele. è uma pena que não exista uma vacina contra essa dor.
abraços.

Fábio Buchecha 12 de mar de 2008 21:36:00  

"Dois em um" = Anulação?

Discordo totalmente. Sintonia, isso se chama.

___________________________________
TemPraQuemQuer <<< Entra!

  © Blogger template Skyblue by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP