Banner: Marco Antonio ///// Produção de Layout: Mariana Nunes

A VIDA COMEÇA AOS... 40?

>> domingo, 11 de janeiro de 2009

Alguém uma vez disse que “a vida começa aos 40”. Tem até um filme (sueco) com esse nome (Heartbreak Hotel, 2006).
Será que começa mesmo?
Sim, porque no final deste mês eu farei 40 anos.

Ou seja, como a expectativa de vida do homem brasileiro está em torno de 73 anos, eu já passei da metade do caminho.
E se a vida começa mesmo aos 40, também tenho pouco mais de 30 anos para... viver?
E o que eu fiz até agora? Estágio?
Ou seja, aquela quase morte, em 1969, aos dois meses de idade...
As insuportáveis aulas de matemática no colégio...
A morte de Tancredo em 1985, depois do fim da ditadura...
O drama do vestibular (que eu encarei como um programa de domingo)...
Meus 6 anos morando em São Paulo enquanto fazia faculdade (1987/92)...
Um noivado desfeito no fim dos anos 90...
A compra do meu apartamento em 2000...
Começar a trabalhar no Banco do Brasil, em 2001, morando numa cidade de 10 mil habitantes...
Viver um grande amor entre 2002 e 2003...
Ganhar um cachorro em 2004...
A perda do meu pai em 2006...
A perda do meu irmão em 2007...
Um amor que valeu a pena em 2007/2008, na mesma época da pós-graduação...
A reforma da casa da minha mãe em 2008...
A doença (2008) e a morte do meu amado cão logo no começo deste ano (veja post abaixo)...
E agora, a transferência para São Paulo, que acontecerá em março de 2009.
Bem, o que eu aprendi neste estágio é que somos produtos de nossas vontades. Que tudo que acreditamos, por mais absurdo que seja, pode se tornar realidade (ou transformar-se em algo que passamos a querer como real).
Então, se esta pequena lista de atividades durante meu “estágio” foi apenas para testar minha capacidade e maturidade, que venham os 40.
Posso não ter sido um aluno nota dez, mas concluí o processo. Porque de cada um (fora tantos que não listei) eu tive as lições necessárias, fundamentais e inesquecíveis para que a estrada que seguirei agora seja feita com serenidade, com confiança e principalmente, com vontade. Assim como houve sorrisos, houve lágrimas. Assim como houve prazer, houve dor. E eu aprendi que tudo isso é necessário para que se viva.
Não, a vida não começa aos 40. A vida nada mais é do que nossa estrada. E não o destino. O destino, todos sabemos qual é. O que fará diferença será a estrada em que faremos esta viagem. E como viajaremos nela.
Alguém quer viajar comigo?

45 bedelhos!:

ana 11 de jan de 2009 00:55:00  

caramba...40 anos bem vividos...daqui pra frente é só alegria, pq ainda tem mto chão pela frente , hehe.
tenho praticamente metade da sua idade, mas eu acredito que aos 40 chegamos ao auge da vida...

que seja tranquila sua estrada daqui pra frente!

FredericoVilela 11 de jan de 2009 01:13:00  

"Bem, o que eu aprendi neste estágio é que somos produtos de nossas vontades. Que tudo que acreditamos, por mais absurdo que seja, pode se tornar realidade (ou transformar-se em algo que passamos a querer como real)."

concordo plenamente com voce ,e que sua continuidade na sua viagem seja plenamente como quer , acredito eu que o mais feliz possivel, pois a vida está indo embora a cada segundo , e cabe a nós aproveitar enquanto existe tempo.

Luiz Fern 11 de jan de 2009 11:56:00  

Nossa, 40 anos, já???
como a vida passa rápido hein, meu pai vai fazer 40 também... srrsrs

olha, a vida é um coisa dificil de se pensar, a gente nunca sabe o que vai acontecer...

Agora chegou a sua hora de aproveitar a vida... rsrsrs... trablhamos/estudamos a maior parte da nossa vida, e com o tempo a gente vai percebendo que isso é o de menos, e que precisamos mesmo é sermos felizes...

_________________
http://pendriveblog.wordpress.com/

palavraacida 11 de jan de 2009 12:15:00  

Se a vida começa aos 40 a Dercy morreu com 63 só então!

Oitentando 11 de jan de 2009 12:19:00  

Belo "estágio" o seu!!!
As experiências vividas e sua trajetória são admiráveis.
Concordo com o que você disse, a vida é a nossa estrada,só nos resta decidir por qual estrada seguiremos nosso caminho!
Quando puder me visite:
http://oitentando.blogspot.com/
Abraços!

Paula 11 de jan de 2009 12:46:00  

Como foi bom ter participado de um pouco dessa vida... ai ai ai. BEIJÃO!!!!!

Paula 11 de jan de 2009 12:46:00  

Como foi bom ter participado de um pouco dessa vida... ai ai ai. BEIJÃO!!!!!

Pinga 11 de jan de 2009 13:06:00  

os 40 não é nem a matade da vida pelomenos não foi para a Derci Bolão fera!

Viviane Righi 11 de jan de 2009 17:00:00  

Eu não diria que a vida começa aos 40. De jeito nenhum...

Penso que o nosso grau de maturidade vai se apurando com o passar do tempo, e talvez isso nem tenha relação alguma com a idade.

Conheço pessoas de 55 anos com cabecinha de adolescente. E jovens de 18 anos com cabeça de 40. Acho que tudo parte mesmo das escolhas que fazemos na vida. Com elas, aprendemos constantemente. E ficamos cada vez mais maduros - ou não!

Marco Antonio 11 de jan de 2009 19:18:00  

Acho que você teve muita força de vontade pra ser "aprovado" nesse "estágio". Superar dificuldades que algumas sei quais são... foi bom ter feito parte desse seu último ano de estágio, pois pude aprender muita coisa com você.

Flavitcho 11 de jan de 2009 19:50:00  

eeeeeeeeeuuu... o/
ehhehehehe...

Euzer, vc passou por tanta coisa que a gente vem acompanhando por aqui... (:

Isso te deu muita, muita força que a gente sabe.
Os 40 vão chegar como chegaram os 39, os 35 ou até mesmo os 20. naturalmente... Tenho certeza.
Se não se importar, vamos viajar juntos nessa estrada cheeeeia de surpresas. E que a maioria delas seja boa. :)

Thiago Damião 11 de jan de 2009 22:00:00  

A vida começa quando se atinge uma certa maturidade sobre si mesmo e sobre a sua vida, infelizmente para alguns aos 40...
Boa jornada nessa estrada da vida =]
abraço

Wander Veroni 11 de jan de 2009 22:45:00  

Oi, Euzer!

Não acho que a vida começa aos 40. Começa todo dia, quando acordamos de manhã e vivemos. Seja ela intensa ou calma, vivemos. É muito bom ver você de volta a blogosfera. Creio que todas essas mudanças na sua vida são um início de um novo ciclo na sua vida, uma nova etapa.

Abraço,

=]

-------------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Jééh 11 de jan de 2009 23:35:00  

Eu gostaria de viajar.rs
bjos;*

Passa lá?: http://menosummaisum.blogspot.com/

Suellen Nara 12 de jan de 2009 00:56:00  

Olá, faz um tempinho que não passo por aqui. E quanta coisa aconteceu, hein. Não falando só da sua vida, mas também do blog. Adorei o novo templante e seus textos estão cada vez mais interessantes.
Eu via a intimidade que tinha com seu cão, e achava isso bonito. Pena que tudo o que é bom dura pouco.

Quanto aos quarenta anos, a vida começa quando você quiser. O ser humano não tem limites, isso depende muito da maneira como você vê a vida.

Obrigada por escrever e por nos fazer refletir.
Parabéns!

Butterfly Girl 12 de jan de 2009 09:40:00  

Humm...
Acho q a vida não começa soh aos 40...pq vc jah tem muita historia pra contar...e historias pra contar sao momentos vividos...

Posso dizer que a partir dos meus 15 anos...eu comecei a saber o que eh viver...eh qdo vc comeca a ver q a vida nao eh soh aquele mundinho:escola,csa,net,tv e saidas com o dinheiro dos pais...
Vc vai vendo a vidaa com outros olhos..vai perdendo pessoas especias..vai ganhando historias e experiencias de vida...

Eu soh estou tentando passar por mais anos...mudando os caminhos de minha estrada como acho melhor...mesmo sabendo que no final todos eles vao pro mesmo lugar...

Adorei o blog...passarei aqui mais vezes...

Bjoo!!

12 de jan de 2009 11:50:00  

A vida começa quando começamos a nos permitir...
As vezes é duro e complicado, mas acabamos aprendendo que não precisamos nos privar de tudo em nome de uma sociedade feita de máscaras.
As mascaras existem e nós a usamos volta e meia, mas qdo aprendemos que não precisamos usa-la em tempo integral começamos a viver: seja aos 40, aos 30, aos 60, aos 15...

Abços

Mariana 12 de jan de 2009 12:19:00  

Querido amigo, eu já viajo contigo desde o dia que nos permitimos rir juntos de nossos problemas.

Chegar aos 40 é só chegar aos 40. É mais um marco social do que de desenvolvimento.

Desejo desde já um feliz aniversário e que você consiga manter seu jeito doce com as pessoas.

Beijos

Felipe 12 de jan de 2009 22:10:00  

Fiquei arrepiado quando acabei de ler, principalmente com as ultimas palavras que me tocaram. Realmente, o destino sabemos qual é, só no resta a escolha do caminho que faremos para chegar até ele. Feliz Aniverario antecipadamente e boa sorte nos seus muitos e muitos anos de vida!

www.centralldamusica.blogspot.com

Felipe 12 de jan de 2009 22:10:00  

Fiquei arrepiado quando acabei de ler, principalmente com as ultimas palavras que me tocaram. Realmente, o destino sabemos qual é, só no resta a escolha do caminho que faremos para chegar até ele. Feliz Aniverario antecipadamente e boa sorte nos seus muitos e muitos anos de vida!

www.centralldamusica.blogspot.com

Didi-Conquistadores 12 de jan de 2009 23:11:00  

É, bastante experiçência de vida. Isso mostra bem que a vida no começa aos 40. A vida é essa. Temos que contruir nossa estrada, as vezes fazer algumas mudanças com algumas coisas que aparecem no caminho e se pararmos para tentar remove-las, o tempo não deixa. Essa é a vida. Vive quem sabe viver. Vou deixar a dica de um ótimo filme que fala desse tema:
O Curioso Caso de Benjamin Button. Assista e reflita.

Abs

Andrew Rosário 12 de jan de 2009 23:28:00  

Pois é, para mim chegar aos 40 já é um sucesso, pq os dias de hoje estao dificeis

Fernanda Fernandes Fontes 12 de jan de 2009 23:29:00  

Euzer,

É claro que quero! Aliás, já viajamos não?! Somos companheiros de viagem deste mundo virtual.

E que post lindo! Bom saber de seus anos, de sua história. E fiquei muito feliz pela transferência, pois sei que é importante! Seja sempre muito feliz! E caminhe...

Bjs

Pedro Pyratero 12 de jan de 2009 23:57:00  

reesta me desejar feliz ano novo! ops, 40 anos!http://pedropyratero.blogspot.com/

joão áquila 13 de jan de 2009 01:12:00  

tens história pra contar e pra vender. parabéns!

Black Angel 13 de jan de 2009 17:12:00  

Pois é tenho essa teoria... mas quando a minha vida começar após os 40 será apenas as experiencias de nates vividas e curtição de tudo que criei...
Abçs

Floradas de amor 13 de jan de 2009 21:58:00  

A vida tem nuances, vitórias... fracassos. Altos e baixos a comemorar e lamentar, todo dia eh uma superação, amar, catar os cacos, creio que independente da idade eh sempre um começo.
=D

Martin 13 de jan de 2009 22:24:00  
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Por Ricardo Cazarino 13 de jan de 2009 22:28:00  

Olá rapaz!
Pois é..tbm não acho que a vida começa as 40. Hoje, nesse insano mundo em que vivemos, onde as alegrias e tristezas são um mar sem recuo, a vida de fato começa a cada nascer do sol ou no descançar da noite. Dia a dia, a cada abrir dos olhos a vida se recria e com ela todas nossas emoções...Hum..se vc já fez esse estágio..já fez a pós, agora vem o doutorado? rs
Abs rapaz! E QUE VENHAM QUANTOS ANOS ASSIM O DESEJAR!

Marcelo 14 de jan de 2009 22:40:00  

Também não creio que a vida comece aos 40. Eu tenho 37 (faço 38 neste ano) e dentro da minha concepção de vida a minha já começou a um bom tempo. Acho que desde o dia em que saquei que a coisa era comigo e só comigo . Quando entendi que a solidão é inerente ao ser humano e que, por maior que seja o amor vivido, é sempre um companheiro de parte de uma grande jornada nossa e que, por mais que tenhamos uma companhia, ela é só nossa e nada mais.
A vida começou para mim quando essas fichas caíram e quando isso aconteceu eu não sei lhe dizer.
Abraços

Marcelo

Gay Alpha 15 de jan de 2009 11:09:00  

Excelente texto!
A vida não começa aos 40, nem aos 20, nem aos 70... começa mesmo é quando as coisas encontram sentido para vc!
Abraço!

Gabriela 15 de jan de 2009 16:30:00  

Meu amigo, chegar aos 40 hoje já é uma vitória, ainda mais passando por alegrias e tristezas como todos nós passamos. Fico feliz por você ter conseguido realizar seus sonhos e objetivos. Mas a sua estrada ainda tem muitos kms para serem rodados, saiba rodá-los com sabedoria, paz e serenidade, com mais alegrias que tristezas, seja feliz, pois acredito que o homem tem a obrigação de ser feliz.
Beijos

Butterfly Girl 15 de jan de 2009 22:15:00  

Oieee!
Acho q jah comentei nesse post...=P
Bom, passando aqui d novoo..e esperando novos posts..
Beijoo!!

O Frango... ® 15 de jan de 2009 23:10:00  

Agora você pode acordar, porque tudo que você pseudo-viveu foi um sonho e vc vai passar a viver só a partir do seu aniversário!

E eu tô na metade do caminho pros 40,e ntão tenho muito tempo de "estágio" pela frente ainda. E pretendo aproveitar eles bem!

ederdbz 16 de jan de 2009 01:30:00  

a frase que vou dizer é clichê pra caramba, mas vale a pena repeti-la: a vida começa ao acordamos, e os seus 40 anos só provam o quanto vc soube viver (com as costumeiras "subidas e descidas") as outras "39 primaveras"...

parabens cara e belissimo blog

Gay Alpha 16 de jan de 2009 11:16:00  

Bem, já comentei nesse post, mas gostaria de agradecer sua visita e principalmente seus comentários no meu blog. Mais do que escrever bem e com fluência, você tem a dizer. E isso é fundamental! Espero vê-lo mais vezes por lá!
Grande abraço e excelente final de semana!

Mariana 16 de jan de 2009 16:44:00  

Presentinho para você no blog!!!

Corre lá!!

bjs

marceloserio_39 17 de jan de 2009 11:40:00  

Bem meu amigo ( virtual )....
Começa aos 40, não a vida, mas sim, uma nova fase dela.
Cada acontecimento no seu tempo, cada tempo no seu momento... então, agora, já com a experiência conquistada até então, a vida segue com outra roupagem, com outro colorido... diferente, porém, nao menos vigorosa.
Um beijao e bom final de semana!!!

kilder 17 de jan de 2009 23:22:00  

legal...muito bom o texto! o blog...
parabéns!!!!! 40 anos...é uma conquista!!!

Luis Filipe 18 de jan de 2009 08:17:00  

depois de tudo isso você tah pronto pra começar a vida
xD

douglasfert 19 de jan de 2009 00:30:00  

DUAS COISAS nada a ver que vc expõem neste post: A crença e confiança que as pessoas tem no Destino e a ideia de que a vida começa (ou acaba) com determinada idade.

O Nosso destino é realmente a Morte. Esta é a única coisa que sabemos e que está escrita.
E a vida deve ser vivida intnsamente aos 30, aos 20, aos 12, aos 40 e aos 90.
Cada fase da vida tem o seu lado bom e seu lado mal.
Temos que saber é aproveitar cada fase ao MÁXIMO.

Marcelo A. 19 de jan de 2009 23:25:00  

Cara, faltam 8 pra eu chegar aos40... Mas essas idades redondas são fodas mesmo! Quando eu fiz 30, não acreditei! Tudo passou tão rápido que a ficha não caiu... É engraçado, mas eu vivo me esquecendo que já tenho 32... Às vezes penso que ainda tô com 18 ou 20... Ah, sei lá! Acho que sou meio atemporal...

Yara Verônica Ferreira 20 de jan de 2009 23:03:00  

Entre de cara nos 40! Tu vai gostar! Eu curto muito. Sempre disse que viveria até os 90 no mínimo. Portanto, ainda tô na flor da idade com 43. Mas já mudei de idéia de quando vou querer casar, pensava que seria lá pelos 60, mas agora tá ficando muito perto, dei uma esticadinha nesse sonho, lá pelo 75, acho que será de bom tamanho! A gente aprende a curtir muito mais a vida e os amigos. Aliás, adorei o post que deixou no blog do Ricardo (palavras sem fronteiras), por isso entrei aqui... Seja bem vindo a nossa cidade!

Marcos Costa Melo 22 de jan de 2009 01:18:00  

Tem que aproveitar cada fase da melhor maneira.

No meu caso, tive uma espécie de choque aos 25. Aconteceram algumas coisas na época que foi como se eu entrasse num novo ciclo, melhor em muitos aspectos, pior em alguns poucos.

Jeremias 28 de jan de 2009 22:31:00  

Concordo plenamente, temos que acreditar em nossos sonhos, assim poderemos fazer o que parece impossível. Belo texto, Parabéns!

Jeremias
http://jeremiasalves.wordpress.com

  © Blogger template Skyblue by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP